15 de agosto de 2017 | 22:35

Operação Carne Fraca e combate à corrupção

“Tentar apressar o Direito (o que tem sido feito no combate à corrupção) é o caminho direto para a flexibilização de garantias e, consequentemente, produção de ilegalidades tão combatidas quando não se dispunha de um Estado de Direito e se tolerava a manifestação do poder punitivo na sua mais austera expressão”. Confira o artigo completo dos advogados Ruiz Ritter e Raul Linhares no portal JOTA